Seguidores

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

há mais de seus pais em você do que você supunha


Coisas que aprendí:

Aprendí que não importa o quanto eu me importo com tudo que está errado, algumas pessoas simplesmente não importam.

Aprendí que alguns bons amigos vão me ferir novamente, mas que eu preciso perdoá-los por isso.

Aprendí que eu consigo fazer coisas num instante, e que, das coisas que eu fiz, algumas me arrependerei pro resto da vida.

Aprendí que meus bons amigos são a família que me permitiram escolher.

Aprendí também que as pessoas com quem eu me importo podem ser tomadas rapidamente. Em algum momento pode ser a última vez que eu as vejo. É CRUEL MAS É VERDADE!

Aprendí que se eu não sei qual caminho pegar, qualquer um vai servir.

Aprendí que o mundo não vai parar para que eu possa consertar meu coração partido e que o tempo não é algo que possa voltar.

Aprendí que algumas tempestades são tão fortes que nenhum guarda-chuva consegue suportar.

Aprendí que algumas coisas que aprendí vão precisar de um grande aprofundamento.

Aprendí que não importa o quanto eu aprendí, importa sim o que eu vou fazer com o que aprendí.

Aprendí que inconstância é eufemismo, e que muitos que vão ler esse texto, não conseguirão entender o que eu disse que aprendí aqui.


sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Inquietação mental pra perturbação da paz e quase encarceramento

As pessoas acham que voltar para o eixo é fácil. Difícil ignorar o fato de que aquele movimento que você fez pra direita ou pra esquerda alterou alguma coisa no seu destino.
Daí chega aquele momento que te dá um surto, você faz o que te dá na telha e quase toma ferro por isso.
Há tempos, corri dos meus erros, agora que eles foram revelados, inevitavelmente encontro-me cansada.
Cansada de tudo e cansada de todos....se bobear até de mim.

sábado, 10 de novembro de 2007

Dia estragado com rotinas quebradas

Que mal é esse de ter o mar e querer as estrelas???? A conformidade faz delirar. Preciso de ânsia de alguma coisa. Quem sabe quebrar paradigmas??!! Quero ligar pra quem eu não deveria, quero dizer "Eu te amo" pra quem não se importa, quero pedir perdão a quem me odeia, quero bater papo com alguém muito importante, quero estragar algo belo, quero beber do vinho mais caro, quero andar descalço na rua, quero descobrir algo novo.....
Aqui eu disse coisas que tinham que ser ditas mas não faço coisas que deveriam ser feitas.

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Diga quem tú és que direi quem és!!!


Neste final de semana em Macacos, aprendí que julgar é uma faca de dois gumes. Principalmente quando julgamos a nós mesmos é claro!! Somos escravos ao acreditar que dispomos de controle sobre a vida desde que façamos funcionar o Hard Rock Café né Manú??!! Somos imediatistas. Somos embalados pelas rotinas diárias justamente para não pensarmos na única certeza que temos na vida: a morte.


A Manú, meio imediatista e meio transloucada, me faz pensar que a hora é agora!!!! Nada antes e nada depois. Coisa louca essa em Macacos....